terça-feira, 17 de maio de 2011

Horizonte

 
Andando sobre o mar,
sinto meu corpo flutuar.
Apesar de distante
vejo o horizonte.
Repleto de rochedos,
envolvidos por imensos
arvoredos.
Revelando uma imagem
harmoniosa de pura sintonia.
Estou em paz,
diante de tamanha beleza,
vinda da natureza.
Sinto a brisa
que paira no ar.
Ouço o som das ondas e sinto
o perfume dos arvoredos.
Aos poucos vou me aproximando
e ao mesmo tempo contemplando
toda esta beleza,
que agora não está mais distante
e sim ao meu alcance!
(Gorettec)

Nenhum comentário:

Postar um comentário